Cooperação Internacional em Inovação
01
02
03
04
5

News

Fazendo negócios em Israel

27-06-2016
Esta notícia é uma tradução livre baseada em notícia publicada pelo The Times of Israel

Israel é um local excitante para fazer negócios. O país é foco para inovação e conta com milhares de startups e estímulos do governo para as empresas – tanto novas como antigas – crescerem e serem bem sucedidas. Este cenário resultou no crescimento da economia, o qual tem ocorrido por muito tempo, com taxas de crescimento entre cerca de 2,5% e 5% nos últimos cinco anos. Aliás, Israel tem superado tanto a UE quanto os EUA todos os anos desde 2006 em taxa de crescimento.

O país se destaca, particularmente, em tecnologia, setor no qual se encontra entre os melhores do mundo e está trabalhando duro para manter o posto com grandes investimentos e muita atenção dedicada a manter a vantagem tecnológica do país, a fim de permanecer à frente economicamente e estrategicamente.

Com um cenário econômico, cultural e comercial tão convidativo, há um grande interesse na criação de comércios por lá. Por esta razão, vamos fornecer alguns elementos-chave para seu conhecimento, caso esteja pensando em se mudar para Israel. Com eles em mãos, você estará em uma posição melhor para decidir se e como irá se envolver.

– Facilidade no registro de empresas

Registrar uma empresa em Israel é muito fácil. O país ocupa a 56ª posição em facilidade de abrir uma empresa de acordo com o Banco Mundial GroupEase na escala de Negociações (o país ocupa o 53º lugar geral na escala). Você pode criar uma empresa em Israel em menos de um mês.

– Grande ajuda para startups

Uma vez que você estiver registrado, há um grande número de ferramentas disponíveis para auxiliá-lo no início do seu negócio – especialmente na obtenção de uma startup, pois o país trabalha particularmente bem neste quesito, com alguns especialistas comparando Israel ao Vale do Silício.

Na verdade, de acordo com um artigo da Financial Times, o setor levantou espantosos $ 4,4 bilhões em capital de risco em 2015, não incluindo subsidiárias no exterior, como Google, Oracle e Facebook, que também possuem indústrias no país e empregam quase 230.000 pessoas. Além do mais, o investimento aumentou 30% ano a ano. O país é o que mais investe em P&D, com exceção da Coreia do Sul.

Uma das maneiras para uma startup comercial individual acessar essa quantia monetária é através de um dos mais de 200 aceleradores de startup do país. Estes oferecem a oportunidade de encontrar financiamento, consultoria, ideias e locais para trabalhar – e se o seu negócio não for bem sucedido, você não precisará pagar nem um centavo. Confira essa lista de 10 melhores aceleradores de startup em Israel para observar as opiniões das empresas.

O governo se dedica muito a ajudar startups, com o Office of the Chief Scientist –  a agora Autoridade Nacional de Inovação – trabalhando duro para aumentar o cenário de iniciativas. De acordo com alguns relatórios, eles fornecem 85% do financiamento de inicialização para ajudar o desenvolvimento das startups. Outra instituição que ajuda bastante é o exército, onde um grande número de jovens é treinado para se tornar hackers altamente qualificados que se tornarão programadores fantásticos.

Israel oferece tanto oportunidades quanto alguns problemas específicos, que não são encontrados em nenhum outro lugar. Estes precisam ser considerados com cuidado se você for tentar ou iniciar um negócio no país.

Ainda assim, as oportunidades superam os riscos, especialmente se você for elegível a obter um passaporte israelense, o que lhe permitirá contornar a maioria dos problemas, em termos de vistos e etc., que os estrangeiros enfrentam.

 

Fonte: itrade


Other News :
24-01-2017 - BNDES announces new operational policy
25-11-2016 - Empresas britânicas querem parceria no Brasil para cidades inteligentes
25-11-2016 - Prêmio Nacional de Inovação

Read more

Calls

  • Brasil
    United Kingdom
    Brazil-UK até 03-04-2017 - sign up
  • Brasil
    Germany
    1st Call for Proposals até 30-10-2017 - sign up
  • Brasil
    France
    1st Call for Proposals até 30-10-2016 - sign up
  • Brasil
    Israel
    3rd Call for Proposals até 30-10-2016 - sign up